• Fotos
  • TV!
  • Links
  • Projeto Memória
  • Sobre o Jornal Pelicano
  • Processo Seletivo EFOMM 2014

  • 1211
    Cultura, EFOMM » domingo, 28 de julho de 2013 »
    Perda de um grande Mercante e Professor

    cals

         É com tristeza que a equipe do Jornal Pelicano publica esta matéria comunicando a perda do professor e Capitão de Longo Curso Waldemir Cals, que enfrentava uma batalha contra o câncer.

          Exemplo de homem corajoso e audaz, o comandante Waldemir iniciou sua carreira na antiga “Escola de Marinha Mercante do Pará” no ano de 1965, sendo um dos pioneiros no offshore brasileiro na área de alívio de poços de petróleo feitos por navios tanque. Ao longo de sua carreira como professor, ele amava a arte de ensinar e pôde transmitir aos seus alunos um pouco do seu vasto e valoroso conhecimento.

    A nossa Ilustre Marinha Mercante perde, pois, um exemplo de profissional competente e, acima de tudo, um grande professor que muito contribuiu para a formação de gaivotas e pelicanos e sempre os incentivou a alçar voos ainda maiores.

    Abaixo segue uma de suas últimas declarações públicas deixadas em seu perfil em um site de relacionamento:

    Meus prezados,está fazendo um ano que ministrei minha última aula no CIAGA, confesso que foi um dia muito estranho em minha vida, pois sentia muita fraqueza, mas uma vontade enorme de concluir com minhas atribuições. Adiantei a matéria e redigi a prova, solicitei a um colega que fizesse a correção, o que foi feito. Não ficou um aluno prejudicado. Notei que os alunos me olhavam com espanto, mas sem expor o motivo, quando vi meu semblante em um espelho constatei uma imensa palidez. Fui direto para um hospital onde foi diagnosticada uma doença chamada de linfoma da zona do manto (tipo de leucemia). De lá pra cá tem sido uma luta, pois essa doença é monitorada diariamente, tipo de câncer altamente agressivo. Mas o que quero transmitir a todos é que nunca devemos desanimar, pois Deus está no controle e que apesar de difícil, ainda estou aqui e na medida do possível vou incentivando as pessoas que estão passando por essa mesma dificuldade. Enalteço a amizade de alguns companheiros e a dedicação de minha esposa e meus filhos. Lembro aos senhores, a vida é linda e deve ser aproveitada ao máximo possível. O prazer está ao seu lado e você quase sempre não nota. A felicidade custa pouco. Vida longa a todos e nunca se esqueçam dos que estão nos hospitais neste momento precisando de sua colaboração, de sua doação, principalmente de sangue. Nesse aspecto a dificuldade é imensa. Beijo no coração de todos – Waldemir Cals.

    Descanse em paz, comandante Waldemir Cals

     

    Comentários

    Outras matérias interessantes...