• Fotos
  • TV!
  • Links
  • Projeto Memória
  • Sobre o Jornal Pelicano
  • Processo Seletivo EFOMM 2014

  • 3459
    EFOMM » segunda-feira, 6 de julho de 2009 »
    Oitavo dia – Terminal Ilha Barnabé – Último dia a bordo

    Planta da rede de Purificadores

    Planta da rede de Purificadores

    Oitavo dia – acordamos cedo na esperança de ver a manobra de desatracação, que havia sido marcada para 7h30 da manhã, porém houve um imprevisto devido à maré baixa e foi adiada para 14h30. Resolvemos então procurar o Chefe de Máquinas para tirar fotos das plantas das redes do navio. Fizemos mais um pouco de serviço de escritório para o Comandante e fomos almoçar.

    Tirando serviço por alguns minutos na Praça de Máquinas

    Tirando serviço por alguns minutos na Praça de Máquinas

    Chegando à Praça de Máquinas o Sub-Chefe pediu para ficarmos de serviço SOZINHOS enquanto ele almoçava. Este momento foi filmado é claro, nosso primeiro serviço na Praça de Máquinas! O sub-chefe até brincou lembrando-nos como se procedia para combater um incêndio no MCA. Para nossa sorte nada deu errado. Após alguns minutos o Marinheiro de Máquinas Pedro chegou e foi nos mostrar os 40 galões de 200 litros de óleo lubrificante que havíamos recebido de madrugada e como era feita a manobra de transferência para os tanques de óleo lubrificante.

    Manobra de atracação no Terminal Ilha Barnabé

    Manobra de atracação no Terminal Ilha Barnabé

    Voltamos para a Praça de Máquinas para acompanhar a manobra de desatracação do Terminal Alamoa. Foram ligadas as bombas de óleo lubrificante, água doce de alta e diesel combustível. Abre-se a válvula de ar de partida e o MCP entra em funcionamento. Depois de muitas máquinas avante e a ré saímos do Terminal Alamoa. Após 30 minutos estávamos chegando no Terminal Ilha Barnabé, aonde pudemos acompanhar a manobra do lado de fora, olhando os rebocadores e os marinheiros em ação.

    Após estarmos atracados fomos resolver nosso desembarque com o Comandante, pois o navio irá para Salvador as 8:00 do dia 6 e não poderíamos voltar a tempo para as aulas. Sairemos da Rodoviária de Santos ao meio dia e chegaremos ao Rio de Janeiro por volta das 20h30.

    Gostaríamos de agradecer ao Comandante Câmara Leão pela oportunidade de viver um pouco mais de perto a nossa profissão, à FLUMAR pelas vagas oferecidas, à Capitania dos Portos pelo suporte logístico e principalmente à tripulação do NT Angelim pela hospitalidade e paciência, e às tripulações dos navios AMALTHIA, MAERSK VISUAL e BOW MASSLLOT pela chance de conhecer outras Praças de Máquinas e de treinarmos nosso inglês. Finalmente aos nossos leitores que nos incentivaram com suas visitas.

    Por tudo isso somos imensamente gratos!

    Até a próxima!

    por Of. Al. Lorenzeto e Adapt. Al. Túlio

    Comentários

    1. Marco Antonio disse:

      Excelente trabalho de informação aos alunos, principalmente, e aos leitores na descorberta da rotina que cerca o dia à dia das máquinas dessas grandes embarcações e seus homens. Parabéns ao Oficial Al Lorenzeto e Al Adapt. Túlio não só pela divulgação da matéria, mas também pelo zêlo e dedicação no aprendizado da profissão, abdicando de férias, e compartilhando este momento de aprendizagem com seus colegas e leitores.

    2. Maria Lucia Braggio disse:

      Apesar de não possuir nenhum conhecimento técnico sobre navios, ao fazer a leitura de cada dia, pela forma como foi escrito me senti participante desse momento. Oro a Deus para que voces encontrem nessa carreira o sucesso que esperam. Que o Senhor os capacite e seja com voces em todos os momentos.Parabéns!!!