• Fotos
  • TV!
  • Links
  • Projeto Memória
  • Sobre o Jornal Pelicano
  • Processo Seletivo EFOMM 2014

  • 5363
    Entrevistas » domingo, 1 de abril de 2007 »
    Mestre Batista, professor da Dança de Salão

    Este artigo pertence ao acervo do Projeto Memória

    Imagine-se conversando em um grupo de amigos e, de repente, uma pergunta surge: “Qual a boa para o fim de semana?” respostas diversas serão dadas: “eu vou ao cinema, ao shopping, a uma boate, a um show e etc.” Mas se sua resposta for: “Eu vou a um baile”, outra pergunta surgira: “Que baile? Baile funk?” e mais surpreendente ainda, será sua resposta: “Não, eu vou a um baile de dança de salão!”.

    A Dança de Salão tem origem nos bailes da Europa Medieval, com a valsa, dançada em casais. Levada para as diversas regiões das Américas, a dança se disseminou entre os continentes dando origem aos vários estilos, de acordo com o país: Tango, na Argentina, Samba de Gafieira no Brasil; salsa, bolero, rumba (ritmos cubanos).

    Considerada uma atividade para a terceira idade, ou melhor, para a melhor idade, como é definida pelos mais experientes, a Dança de Salão está ganhando cada vez mais praticantes, e por mais incrível que possa parecer, os jovens fazem parte de uma grande parcela. O grande número de pessoas que procuram essa atividade vem crescendo rapidamente, em razão de ritmos envolventes, e os salões estão cada vez mais cheios.

    Os ritmos preferidos entre os jovens são: o forró,o samba, o zouk, que é um tipo de lambada caribenha, a salsa e o fox (soltinho). No entanto, o bolero não é esquecido. Aqui no Centro de Instrução Almirante Graça Aranha a dança de salão começou no ano de 2004 e seus praticantes vêm aprendendo diversos ritmos tais como: Bolero, Soltinho, Samba de Gafieira, Forró, Zouk e Salsa. Atualmente temos aqui aulas toda 2ª e 4ª das 12h às 13h e das 18h40 as 20h e toda sexta das 12h as 13h ministradas pelo professor Batista no Grêmio de Velas.

    Fizemos uma pequena entrevista com o mestre Batista e o perguntamos se ele dava aulas de dança de salão em outros espaços fora deste centro de instrução e qual a importância da dança pra ele na vida de uma pessoa. Ele respondeu:

    “Eu atualmente coordeno um projeto na Faculdade de Educação Física em Belforoxo na qual alunos do próprio curso de Educação Física dão aulas pra comunidade. A dança é algo divino, o universo dança, a galáxia dança, as contrações uterinas é uma dança.o homem dança e não sabe que dança, na linguagem artística, a dança é a moldura do quadro. Além disso, a dança é indicada por médicos como tratamento coadjuvante. É o melhor remédio para o tratamento de labirintite e depressão. A dança trabalha a auto estima e permite a integração social. Por isso, venha participar das aulas de dança de salão. Não precisa saber dançar, o mais importante é a vontade de querer aprender e se divertir, aliviar o stress dos estudos.”

    por Aluna Daniele Costa

    Comentários

    1. carlos disse:

      Soube que não esta mais tendo aula de dança na efomm…
      é uma atividade excelente que exercita corpo e mente! é relaxante para rotina dos alunos deveria voltar :/

    2. Al. Souza Mattos disse:

      Olá Carlos, realmente esse ano não conseguiram restaurar o grupo de dança na EFOMM. Porém a SAMM 2010 está com projetos de revitalizar essa atividade, pois acreditam ser essencial para relaxar a mente e o corpo quebrando assim um pouco da rotina que os alunos enfrentam.

    Outras matérias interessantes...