• Fotos
  • TV!
  • Links
  • Projeto Memória
  • Sobre o Jornal Pelicano
  • Processo Seletivo EFOMM 2014

  • 5781
    EFOMM, Entrevistas » sexta-feira, 26 de março de 2010 »
    Entrevista com 2º Tenente Eliana

    2 ten Eliana

    1.Em que ano ingressou na EFOMM e quando se formou?

    Ingressei no CIAGA em 2003 e me formei em 2005.

    2. Em quais empresas trabalhou?

    Em 2005 era possível fazer uma parte da praticagem em off-shore. Então eu fiz 10 meses da minha praticagem na Transpetro ( NT PIQUETE) e 2 meses na Norskan (NORSKAN LEBLON). Depois que me formei, fui como oficial para a CBO (CBO CAMPOS), onde estive por uns 2 anos, quando surgiu uma oportunidade na TransOcean (SEDCO 706), uma empresa americana de perfuração> Fiz um contrato internacional e estive em Singapura, Paris e África do Sul como DPO (Dynamic Positionnig Operator) para acompanhar a instalação do sistema de DP desta plataforma. Depois retornei para o Brasil para atuar como DPO nesta mesma plataforma na Bacia de Campos.

    3. As felicidades que a carreira trouxe?

    Minha realização profissional, completei meu nível superior. As viagens para o exterior que a carreira me proporcionou. E financeiramente, pois um oficial da marinha mercante tem sido muito bem valorizado salarialmente, o que me permitiu adquirir diversos bens materiais.

    4. E as decepções com a carreira?

    Nunca tive e nem tenho nenhum tipo de decepção na minha carreira. Nem na Marinha Mercante, nem na Marinha do Brasil.

    5. Já passou por alguma situação de emergência?

    Apenas na minha praticagem. Aconteceu em São Sebastião, no litoral paulista. Foi um abalroamento, meu navio estava fundeado e um outro navio estava em manobra de entrada no Porto de São Sebastião, com prático a bordo, porém ocorreu uma falha de comunicação entre o prático e o Comandante do navio, o que acarretou o albaroamento atingindo a proa do navio fundeado no qual eu estava.

    6. Sendo mulher, já passou por algum desrespeito a bordo?

    Não. Nunca passei por nenhum tipo de desrespeito, constrangimento ou quaquer situação desse tipo.

    7. A carreira era aquilo que pensava?

    Sim. Desde que eu era aluna, eu tinha consciência do tipo de carreira que havia escolhido. Sabia que era uma carreira sacrificante no sentido de ter que ficar um período distante da sua família e das pessoas que você ama. Por outro lado, é gratificante viajar e conhecer o mundo, países, culturas diferentes, desfrutando de um excelente salário.

    8. Tipo de embarcação que mais gostou?

    A embarcação que mais gostei de trabalhar foi no rebocador RSV CBO  CAMPOS, é uma embarcação que dá suporte a um veículo chamado ROV (ROV supply vessel). Neste tipo de embarcação a operação é muito interessante e inteligente, onde opera-se manualmente e automaticamente em DP, de forma dinâmica, várias vezes em uma só operação. Operei neste tipo de embarcação durante 1 ano e 10 meses. Adquiri bastante conhecimento e experiência como DPO.

    9. O que mais gostou na EFOMM?

    As amizades construídas aqui, as quais levarei por toda a minha vida. Todos os momentos que vivenciamos durante os 3 anos certamente nunca irei esquecer. A adaptação, as madrugadas de estudo, as competições da equipe de remo, as viagens das competições, os bailes… tudo isso ficará guardado.

    10. O que mais mudou na EFOMM em relação à sua época?

    O avanço tecnológico no estudo e na atuação profissional também.

    11. Quais as características que um mercante deve ter?transat

    Maturidade (para entender a realidade da carreira que está abraçando, pois é preciso abdicar de diversas coisas/situações/ocasiões em prol de um melhor desenvolvimento e crescimento profissional); educação (é muito importante procurar ser educado com todos a bordo, sempre com muito respeito, isso torna o ambiente mais saudável); dedicação (é a bordo que se aperfeiçoa toda a teoria absorvida na Escola, e para isso é necessário dedicar um bom tempo do seu descanso para estudar e conhecer a sua embarcação e todos os equipamentos que irá operar); profissionalismo (ter o entendimento da enorme responsabilidade de ser um oficial do quarto de serviço, seja como piloto no Passadiço ou maquinista na Praça de Máquinas).

    12. Fale um pouco do setor em que atua na EFOMM.

    Atualmente, o setor que atuo é o Simulador. Pela minha formação (Oficial de Náutica) e especialização em Operador de Posicionamento Dinâmico (DPO), assumo a função de coordenadora e instrutora do curso de DP.

    13. Qual o procedimento para se tornar um oficial da Marinha do Brasil?

    Com o Curso de Bacharel de Ciências Náuticas, o Oficial de Náutica ou de Máquinas tem a oportunidade de ingressar na Marinha do Brasil através do Quadro Técnico (QT) e/ou Quadro Complementar (QC).
    Por Al. Camila Reis e Al. Felipe Costa

    Comentários

    1. Lorayne disse:

      achei super linda a história da Tenente Eliana;
      nossa meu sonho é está aqui um dia.
      eu tenho 15 anos e gostaria de saber um pouco mais sobre a área de Biologia dentro da Marinha,
      pois é nela que eu quero trabalhar. E gostaria de saber mais como funciona pra ver
      se é isso mesmo que eu quero.

      desde já, agradeço!

    2. Leandro Baptista disse:

      Não acredito…Tenente…hehehehehe

      Muito legal… quanto tempo heim…. qualquer dia eu apareço na EFOMM>..bem se deixarem entrar né..pq das ultimas vezes só pude chegar até a parte da inscrição..hehehe
      Sucesso Eliana… tudo de bom… Abraçoooo Leandro Baptista
      2 ON – RJ

    3. Juliana disse:

      Achei ótimo, nossa é muito incentivante ler esse tipo de artigo, onde narra uma história verídica de uma oficial bem sucedida da Marinha do Brasil, realmente é uma inspiração para quem deseja entrar nesse ramo.

    4. thais de castro nogarol disse:

      Meu nome é Thais tenho 17 anos e estou querendo ingreçar na carreira militar por favor me ajude
      já conclui o ensino medio tecnico de publicidade mas não sei por onde começar , tem alguma área de publicidade nas forças armadas ou terei que fazer outros cursos tecnicos.

      eu gostaria de saber se depois de passar no concurso da EFOM e estudar os 3 anos se sou militar remunerada ou não? e como funciona .
      desde já agradeço a voces e sei que irão me ajudar se Deus quizer.

    5. Iran Peixoto Martins Costa disse:

      Nunca vou esquecer na adaptacao de uma veterana adaptadora chamando o candidato (eu) de bizarroooo, rsrs. Exemplo de pessoa e profissional a 2o Tenente Eliana sempre se mostrou muito dedicada e atenciosa aos interesses, tanto na escola quanto embarcada. E muito bom saber que hoje esta contribuindo para a formacao dos profissionais da area. So temos a agradecer.
      Saudacoes marinheiras de seu fera e hoje colega de profissao.

    6. LOUISE ENGEL disse:

      Adorei a entrevista! Sinto muito orgulho de ver nossa carreira sendo divulgada por você!

      Felicidades hj e sempre!
      Beijos Beijos.

    7. 2OM MARILIA disse:

      Adorei a entrevista.
      Eliana sempre foi uma excelente aluna e companheira.Com certeza se tornou ao longo dos anos uma excelente profissional,pois sempre foi uma pessoa interessada,esforçada e concentrada nas coisas que exigia responsabilidade,via isso na propria rotina na escola,enquanto aluna.
      Ja pela rotina escolar podemos vizualizar o perfil do futuro profissional.
      Parabens Eliana.

    8. Walfran Batista Torres disse:

      Meu nome é Walfran Batista Torres sou da Turma da Tenente Eliana.
      Quero parabenizar o belíssimo artigo sobre a Tenente Eliana. Desejo sucesso e felicidades em sua carreira na Marinha do Brasil.
      Hoje faço parte do Quadro Complementar do Corpo da Armada e sinto muito orgulho de ser também Oficial de Náutica da Marinha Mercante.
      Grande abraço!
      Bons ventos!!

    9. Adapt. Al. Souza Mattos disse:

      Olá thais de Castro, dentro das forças armadas tem sim a área de publicidade porém não sei como entrar.
      Já na EFOMM, após conclusão dos 3 anos de estudo o aluno é nomeado 2ON/OM (oficial de máquinas ou naútica) da reserva, ou seja não remunerada.
      A carta de 2ON/OM te possibilita trabalhar em navios ou em algumas areas em terra, para saber mais procure no site do pelicano sobre a carreira do oficial de máquinas e oficial de naútica. espero ter ajudado

    10. Glaucia disse:

      Olá! Meu nome é Glaucia. Estudei com Eliana na época do segundo grau e fico muito feliz em vê-la realizada profissionalmente. Continuo torcendo por seu sucesso, em todas as áreas. Tenho certeza de que esse sucesso esteve acompanhado de muito esforço e dedicação.
      Desejo tudo de bom!
      Abraços, Glaucia.

    11. Eliane disse:

      Mesmo antes de saber dessa historia de carreira da Eliana,eu ja a admirava…agora,mais que nunca..ela e um exemplo de MULHER,SER HUMANO,MESMO SEM A FARDA…QUE CONTINUE ASSIM,DESEJO-LHE TUDO DE BOM,FICO FELIZ QUE FAÇA PARTE DA MINHA VIDA,MESMO,UM POUQUINHO DISTANTE!!TE ADORO…BJSS

    12. Adriana M. Paiva Codeço. disse:

      Que lindo Eliana amei sua entrevista, é o sonho de todos ter sua carreira bem sucedida, parabéns por vc ser quem vc é, uma moça responsável, dedicada, inteligente e linda! Que Deus te abençoe cada vez mais, muito sucesso pra vc! Bjs!
      Adriana.

    13. DPO JOB disse:

      Bom… falar da Eliana… kkkk…. sou suspeito, embarcamos juntos durante muito tempo!!! Piquete, Campos, Ciaga.. kkkk… Sempre foi uma ótima amiga, tanto de profissão quanto de relacionamento pessoal.
      Muito bom saber que nossos amigos estão felizes no que fazem… Pessoal, essa mulher tem uma paciência invejável…. suguem ela ao máximo… ela angariou vasto conhecimento profissional…
      Sucesso Eliana!!! Pra mim, você ainda é cáqui!!!!

      DPO JOB.

    14. Priscila disse:

      Eliana
      Fico muito feliz em ver e ler a sua experiencia profissional, louvado seja Deus pela sua vida, desejamos todo sucesso pra voce, pois voce merece tudo de melhor, fico mais feliz ainda por ver que voce continua sendo a mesma pessoa amável, responsável, dedicada, inteligente …… 
      Beijos e sucesso cada vez mais….

    15. Silvana dos Santos disse:

      Amei ler sobre a historia na integra da Eliana.
      Conheco ela desde sua adolescencia… e sempre vi nela uma pessoa determinada e q luta pelos seus objetivos. E fico feliz ao ler essa entrevista q tudo aquilo q ela plantou e sonhou se realizoou..
      Com certeza isso soh foi possivel pq ela sempre colocou a frente o Deus Altissimo.
      Minha querida, desejo tudo de melhor pra vc, e q nao pare por ai, q muitas outras realizacoes acontecam em sua vida!!!
      Beijaooooo, Sil

    16. Claudia Galvão disse:

      Ler sobre a historia da Tenente Eliana, nos mostra que garra, coragem e vontade pode nos levar a qualquer lugar, ou melhor, a qualquer lugar que desejamos estar. Parabéns a ela e a Al. Camila Reis que realizou essa entrevista. Sei o quanto foi difícil entrar na EFOMM, e estar realizada como a Tenente Eliana, bem como estar dedicando-se como Al. Camila Reis é de fato muito gratificante, principalmente pra nós pais que ficamos torcida sempre, pois ver nossos filhos realizados é estar concretizando o melhor e maior desejo de nossas vidas. PARABENS Al. Camila Reis, amamos vc.

    17. Ronaldo Baptista DONALD disse:

      Excelente a entrevista com a Ten. Eliana.
      Bastante esclarecedora sobre a vida do Oficial Mercante. Espero que sirva de exemplo para os Alunos da EFOMM. Quanto à sua nova função no Simulador, entendo que o CIAGA só tem a ganhar com a sua experiência. Está de parabéns quem teve a idéia da entrevista.

    18. Douglas Mota (Apogeu) disse:

      Muito boa entrevista!!!

      Mandou muito bem Camila!!!
      Parabéns e sucesso na sua carreira!!!

    19. Mariana Gabriela disse:

      Gostaria de saber das pessoas que passaram para EFOMM,se elas passaram na primeira vez que fizeram a prova,ou se tentaram mais vezes…Como foi o processo da prova à matrícula…Obrigada

    20. Mariana Gabriela disse:

      A prova da EFOMM acontece quantas vezes ao ano?
      E quantas vagas á por ano na EFOMM?

    21. valdenor disse:

      TODOS OS BRASILEIROS TEM UM SONHO,UM OBJETIVO DE CONÇEGUIR AQUILO QUE DESEJA.PARA ISSO E PRECISO PESERVERANÇA,FORÇA DE VONTADE PROPRIA,COLOCAR EM PRATICA SUA AUTO MOTIVAÇÃO,SEUS CONHECIMENTOS,E SE PREPARAR PARA NOVOS DESAFIOS,IR PARA LUTA BUSCAR AQUILO QUE DESEJA,VESTIÇE DA ARMADURA DA SIMPLICIDADE,DA EDUCAÇÃO,DA INTELIGENÇIA.COM ISSO FAZ VOÇÊ IR ALEM.
      O MEU SONHO E SER UM OFICIAL DA MARINHA MERCANTE,COM DEDICAÇÃO COM FÉ E ESPERANÇA EU VALDENOR ESTAREI,NA EFOMM. DESEJO A TODOS QUE IRÃO SE INSCREVER NESTE CONCURSO,ESTUDEM, ESTUDEM, E ESTUDEM..FAÇAM UMA BOA PROVA..NOS VEREMOS NA EFOOMM……….

    Outras matérias interessantes...

    Em que ano ingressou na Efomm?
    Em 1991 e me formei em 1993, na época as turmas ficavam dois anos e meio na escola e faziam a praticagem, então eu terminei a minha praticagem no início [...]

    Entrevista – Professor Nélio30 de outubro de 2013